Os segredos do pudim perfeito (ou quase isso)!

Oi pessoal! Conforme prometido pelas redes sociais do blog, hoje vou ensinar alguns segredinhos pra fazer um pudim maravilhoso. Eu me batia com vários passos do pudim, mas depois que aprendi, nunca mais errei. De quebra vou ensinar três receitinhas rápidas e fáceis de pudim pra você treinar em casa. Vamos lá?

IMG_20160418_163257

Primeira dica: a calda!

Acho que a calda é a parte mais difícil do pudim, porque o açúcar é bem delicado e queima num piscar de olhos. Tem gente que faz a calda numa panelinha e depois despeja na forma (essa dica é boa se você não tem muita prática, mas suja mais louça), ou acrescenta água pra ficar mais líquida. Eu não faço nada disso! Hahahaha Minha calda é basicamente açúcar derretido na própria forma que você vai assar um pudim, aquela com buraco no meio é ideal pra isso, o resto é só uma questão de treino, segurando a forma com um pano ou uma luva de cozinha, e mexendo ela sobre a chama média do fogão. Quando o caramelo estiver levemente dourado, desligue, tire do fogo, e deixe a forma reservada para esfriar um pouco. Para as minhas receitas de pudim eu uso 1 xícara de açúcar. Quando você despejar a mistura do pudim você vai ouvir barulho de alguma coisa trincando, é assim mesmo.

Segunda dica: com furinho ou sem furinho?

Uma dica importante do pudim é pra atender o gosto pessoal de cada um, e está ligada a temperatura do forno. Sempre pré-aqueça o forno para fazer pudim tá? Não esquecendo, as temperaturas e tempo de cozimento sempre vão varias de forno pra forno. Se você gosta de pudim com furinhos, basta assar em forno alto (entre 200º e 220º graus), assim ele cozinhará mais rápido, aproximadamente 40 minutos. Se você gosta do pudim lisinho, o lema é paciência, forno no mínimo (entre 150º e 180º graus), vai levar cerca de 1 hora e meia para assar desse jeito. O pudim sem furinhos fica mais cremoso, o com furinho absorve mais calda e fica com o gosto dela. Como eu disse, vai de gosto pessoal. Ah, você sabe que o pudim está cozido quando ele não se move tanto ao ser balançado, então pode fazer como o bolo e espetar um palitinho que tem que sair limpo.

Terceira dica: como fazer um banho maria?

Você nunca vai cozinhar o pudim diretamente no fogo, porque ele vai queimar rapidinho. Então coloque a forma de buraco dentro de uma forma maior, e nessa forma maior você vai despejar água fervendo, ela precisa estar fervendo antes de entrar no forno, água fria não serve porque vai retardar o processo de cozimento. Fique de olho no forno para que a água não seque completamente, se isso for acontecer, pode acrescentar mais água fervente durante o cozimento. ATENÇÃO! Quando o pudim estiver pronto e você for retirar a forma de buraco, faça com muito cuidado, porque a água de baixo vai espirrar se fizer muito drasticamente por causa do vácuo que se cria.

Quarta dica: como desenformar o pudim?

Para desenformar o pudim você vai deixar ele esfriar, para não correr o risco de quebrá-lo. Quando estiver frio solte as laterais e o meio com uma faquinha, e coloque a forma sobre o fogo médio do fogão, você vai perceber quando a calda começar a derreter. Coloque uma prato sobre a forma e vire de uma só vez, espere um pouquinho e dê batidinhas na forma, você vai sentir o pudim descer. Caso isso não aconteça de primeira, vire novamente a forma, e repita o processo.

Juro que parece complicado mas não é! Pudim é uma questão de prática, e uma sobremesa super fácil e versátil depois que você pega o jeito todo da coisa. Vai por mim! Vou passar rapidinho os meus três pudins preferidos pra vocês testarem, todas elas são para um pudim pequeno, então se quiser maior é só dobrar as receitas.

Pudim de leite tradicional: Basta bater no liquidificador 2 caixinhas de leite condensado, 1 medida da mesma caixa de leite e 4 ovos. Esse é aquela tradicional que a nossa vó faz!

Pudim de leite ninho: Também no liquificador, 2 xícaras de leite ninho, 2 xícaras de água, 3 ovos, 1 xícara de açúcar e 1 colher de sopa de amido de milho. Esse pudim fica ABSURDAMENTE cremoso e tem um gosto super especial, é o meu preferido!

Pudim de doce de leite: Mesmo jeito dos outros, bater 400 gramas de doce de leite de boa qualidade, 3 ovos, 200 ml de leite e 1 colher de sopa de açúcar. Bem parecido como tradicional de leite, mas fica com um gostinho especial de doce de leite e bem mais cremoso!

Espero que tenham gostado! Até a próxima!

Beijos da Ana ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s